Apresentadora Eliana se junta aos atores globais na luta contra ideais de Jair Bolsonaro

A loira decidiu expôr abertamente seu apoio a comunidade LGBT.

A oposição da maioria dos atores da Rede Globo contra o atual governo de Jair Bolsonaro é escancarada e aberta, mas parece que não são somente os globais que não concordam com as ideias do presidente e de seu governo. Na emissora de Silvio Santos alguns apresentadores e artistas declararam publicamente seu repúdio ao novo governo, contrariando assim o dono da emissora que já teria rasgado elogios a Bolsonaro em seu programa de auditório.

Maisa e Eliana estão entre os contratados de Silvio Santos que não apoiam as ideias do presidente atual, Eliana chegou até a usar sua rede social para expressar sua opinião e dar seu apoio a comunidade LGBT que é declaradamente contra Bolsonaro.

Para a surpresa de todos, a loira foi até o seu perfil no Facebook e declarou seu manifesto a favor da criminalização, que está sendo analisada pelo Supremo Tribunal Federal (STF), destacando que o Brasil é “o país que mais mata LGBTs no mundo (1 a cada 19 horas)”.

“Criminalizar a homofobia vai além de fazer o que é certo – é ajudar a salvar vidas! #ÉCrimeSim #CriminalizaSTF”, disparou a contratada do SBT, cujo dono é aliado do presidente Jair Bolsonaro. Além dela, diversos outros artistas também surpreenderam e saíram em favor da causa nobre.

Vários artistas globais já deixaram em suas redes sociais sua opinião sobre o assunto, Lázaro Ramos declarou que:

“Garantir direitos do outro, sem tirar direitos de ninguém, só ofende quem não sabe o que é direito, ou o que é o outro”.

Já Taís Araújo, atriz global disse que o nosso país é o que mais mata homossexuais ou pessoas que estão ligadas a comunidade LGBT, e que o país precisa combater esse tipo de violência.

Gisele Bündchen limitou-se a usar a hashtag #criminalizastf, enquanto Bruna Marquezine, atriz da Globo, usou a hashtag #écrimesim e pediu “pela LIBERDADE de AMAR e de SER”.

“É crime sim ou com certeza?”, questionou a cantora IZA.

A atriz Bruna Linzmeyer, no ar em ‘O Sétimo Guardião’, da Globo, fez várias publicações sobre o assunto, e até as cantoras Ivete Sangalo e Claudia Leitte também resolveram apoiar a causa, com posts sobre o tema em todas as suas redes sociais.