Wagner Montes Filho, filho de Wagner Montes, rompe o suspense e faz desabafo sobre a morte do pai

Filho resolveu romper o suspense e se expressou pela primeira vez sobre o falecimento do seu pai, o apresentador Wagner Montes.

O artista Diego Montez, outro filho de Wagner Montes, também se expressou sobre o falecimento do seu pai, o apresentador da Rede Record. O jovem se expressou em suas mídias sociais sobre o caso e agradeceu a admiração e o apreço dos fãs que enviaram mensagens de positividade nesse momento tão difícil em sua vida.

“Eu quero agradecer todas as mensagens que recebi hoje. Eu nunca me senti tão amparado e cuidado em toda minha vida e isso é muito bom. Obrigada pelo carinho com minha mãe e irmão, também. Vou responder todas as mensagens com calma depois”, disse o filho.

“Eu poderia escrever um texto enorme, mas palavras não seriam suficientes, nem para expressar o que estou sentindo nesse momento e muito menos o que verdadeiramente o senhor representa para mim. Acredito que essas fotos resumem tudo. Meu pai, meu melhor amigo, meu super-herói. Não vou me preocupar em tentar entender o porque, mas em lembrar do quão guerreiro o senhor foi, das brincadeiras, das viagens, das gargalhadas, dos esporros e principalmente do carinho mesmo que bruto”.

Disse filho do apresentador, Wagner Montes Filho, que decidiu romper o silêncio e desabafar nas redes sociais, após compartilhar uma série de imagens ao lado do pai, que acabou deixando-lhe emocionado.

O jovem ainda aproveitou para agradecer o carinho de todos com o pai e pediu desculpas por não conseguir dar atenção ao fãs nesse momento tão conturbador na vida de sua família.

“Aproveito para agradecer o carinho de cada um, cada mensagem de carinho e de força. Peço perdão por não conseguir responder a cada um, mas acreditem, essas mensagens são muito importantes para nossa família, agradecemos muito mesmo. Então para não cometer uma injustiça e acabar não respondendo alguém, optei por postar essa mensagem. Obrigado por tudo!”.

Wagner Montes foi um advogado, deputado federal, jornalista, jurado e apresentador de rádio e televisão, e veio a falecer de manhã, no dia 26 Janeiro. O apresentador tinha apenas 64 anos e se encontrava hospitalizado há 2 meses no Hospital Barra D’Or, para realizar o tratamento de uma infecção urinária. O que causou a sua morte foi choque séptico e sepse abdominal.